segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

3º Levante da Canção, de Capão do Leão

1º Lugar - Corazón de Cantor 
Letra: Xiru Antunes e Martim Cesar
Música: Paulo Timm 
Intérpretes: Robledo Martins e Maria Conceição
Pelotas e Jaguarão 

2º Lugar - Sina das Almas 
Letra: Caine Teixeira Garcia 
Música Zulmar Benitez 
Intérprete - Marcelo Oliveira
Bagé 

3º Lugar - Quando Saio a Campear China 
Letra: José Dias Motta
Música: José Dias Motta e Tiago Oliveira 
Intérprete - Tiago Oliveira 
Encruzilhada do Sul 

Melhor Letra - Mundo e Campo 
Letra: Gujo Teixeira 

Melhor Arranjo - Pequenas Coplas de Quem Andeja 
Negrinho Martins

Melhor Instrumentista - Ricardo Comasseto
Melhor Intérprete - Tiago Oliveira

Musica Mais Popular - As Mãos de Antonio 
Letra: Éder Rosa 
Música: Daniel Xavier

Melhor Tema Campeiro - Seguindo a Volta do Tento 
Letra: Fabrício Marques e Fábio Maciel 
Música: André Teixeira e Migué Vieira 
Intérprete - Fabrício Marques
Pelotas e São Gabriel

Melhor Tema Sobre a Pedra - As Mãos de Antonio 
Letra: Éder Rosa 
Música: Daniel Xavier

*Informações - Aline Ribas - Blog Os Festivais

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Informativo - Tarciane Tebaldi

Manoca Poética estreia em 2011 como diferencial

Neste ano, a Manoca do Canto Gaúcho volta a ter a fase local. Paralelo ao evento, no dia 14 de maio, a 1ª Manoca Poética será realizada, com o objeivo de valorizar a cultura gaúcha através da poesia. Além disso, é uma contribuição cultural à comunidade santa-cruzense. O evento terá duas partes. Oficinas de poesia onde haverá palestras sobre a história da poesia e também sobre os poetas brasileiros e latino-americanos. Na programação, haverá recitados de poemas.

Outro atrativo é um concurso artístico-literário. A temática serão os usos e costumes do povo gaúcho. Quem pode participar do concurso são os poetas da 5ª Região Tradicionalista. Fator que envolve as entidades tradicionalistas, escolas da região e a comunidade. Os poemas devem ser inéditos. Temas serão determinados pela comissão, durante as oficinas, na tarde do dia 14 de maio, na Faculdade Dom Alberto. O prazo de entrega é 18h, do dia 15 de maio.

Os poemas serão analisados pela comissão julgadora, que ainda será definida. Os resultados serão divulgados no blog da Manoca (http://www.manocadocantogaucho.blogspot.com/), até dia 21 de maio.


1º Lugar R$ 300,00 e Troféu
2º Lugar R$ 200,00 e Troféu

A coordenação do evento fica a cargo da Comissão Executiva da 6ª Manoca do Canto Gaúcho, com a supervisão da Associação Cultural Pró Rio Grande.

Informações:
Rovani Morales – (51) 9619-9297 - Coordenador Geral da Manoca do Canto Gaúcho
Paulo Evandro de Moraes – (51) 8179-8167 – Coordenador da 1ª Manoca Poética
João Cléber Caramez - (51) 9638 4907 - Coordenador de Mídia da Manoca do Canto Gaúcho

Grande show reúne mais de cinco mil pessoas no lançamento do Música em Movimento 2011

A expectativa dos organizadores, de que o lançamento do Projeto Música em Movimento 2011 fosse um “baita” show, se confirmou. Na noite do último sábado, mais de cinco mil pessoas foram ao Parque da Oktoberfest conferir o espetáculo, que teve como atrações Os Fagundes, Joca Martins, Renato Borghetti e Orquestra Camerata Porto Alegre. O evento, que foi promovido pela Souza Cruz e contou com o apoio da Prefeitura de Santa Cruz, Brigada Militar, Corpo de Bombeiros e Polícia Civil e Unimed, e incentivo da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, foi marcado pela integração dos artistas e pela participação do público.

“Por ser diferente de todas as outras edições, este espetáculo superou as nossas expectativas. Ficamos muito felizes com a receptividade e participação da comunidade, o que fez do evento um grande sucesso”, destacou o gerente de Assuntos Corporativos da Souza Cruz, Carlos Palma. A programação do evento iniciou às 18h30, com um coquetel para autoridades convidados. Na ocasião, o gerente nacional de Produção Agrícola da Souza Cruz, Hélio Moura, agradeceu a presença de todos e destacou a importância do evento. “O objetivo deste projeto é levar a arte e promover a cultura nas regiões onde temos atuação, valorizando o relacionamento com a comunidade e com nossos produtores integrados. E neste lançamento, valorizamos Santa Cruz do Sul, que consideramos também a nossa casa”, destacou ele.

Às 19h30, as apresentações tiveram início com a performance do santa-cruzense Miguel Beckenkamp, que acompanhado pelos músicos Sílvio Marmitt (baixo), Diego Maracci (bateria), Éderson Jaques e Alison Knak (guitarras), embalou o público com canções do seu último trabalho, Presente das Estrelas, lançado em setembro do ano passado.

Shows

Neto e Ernesto Fagundes foram os primeiros tradicionalistas a entrarem no palco. Foram eles que conduziram o show, iniciando pela Orquestra Camerata Porto Alegre, sob a regência do maestro Telmo Jaconi. Coma interpretação de “Saudade da Minha Terra”, eles emocionaram a plateia logo no início do espetáculo. Em seguida, Os Fagundes (Ernesto, Neto e Paulinho) interpretaram “Origens”, música tema do programa Galpão Crioulo, para aplauso do público. Ainda com Os Fagundes no palco, Joca Martins iniciou sua participação no espetáculo, com uma de suas grandes canções: Se houver cavalo crioulo.

Na sequência, uma das atrações mais aguardadas na noite veio ao palco: Renato Borghetti, acompanhado pela Orquestra Camerata. Eles mostraram como pode ser perfeita a união entre a música nativista e a erudita. Mas, o momento mais emocionante, estava reservado para o final, quando Os Fagundes, Joca Martins, Borghetinho e Orquestra Camerata compartilharam o mesmo espaço. Desta maneira, todos cantaram o Canto Alegretense, um clássico da música gaúcha, acompanhados pela multidão. No final, a execução do Hino do Rio Grande do Sul, mais uma vez com um coro de cinco mil vozes, encerrou de forma emocionante o lançamento do Música em Movimento 2011.
 
*Informações: Portal Gaz - http://www.gaz.com.br/

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Música em Movimento em Santa Cruz do Sul

Show com Os Fagundes, Joca Martins, Renato Borghetti e Orquestra Camerata Porto Alegre vai marcar o lançamento do Projeto Música em Movimento 2011, promovido pela Souza Cruz. O evento, que tem o apoio da Prefeitura de Santa Cruz e incentivo da Lei Rouanet, Lei Federal de Incentivo à Cultura, acontece no dia 19 de fevereiro, às 19h30, no Parque da Oktoberfest, com entrada franca. “Santa Cruz será a porta de entrada para esse projeto que, este ano, irá levar cultura e diversão a diversas cidades nos três estados do sul do País", destaca o gerente de Assuntos Corporativos, Carlos Palma. 

Joca Martins é uma das atrações que estarão no Parque da Oktoberfest
Foto: Matias Moura
O show, que terá abertura do músico santa-cruzense Miguel Beckenkanp e banda, dá a largada oficial da temporada 2011 do  Projeto Música em Movimento, em 2011 terá como atrações a dupla César Oliveira e Rogério Melo, acompanhada de uma orquestra. As apresentações ocorrem dias 13, 20 e 27 de março, em Frederico Westphalen, São Pedro do Sul e Cachoeira do Sul. No segundo semestre, o projeto deve percorrer municípios de Santa Catarina e Paraná. “Nossa proposta é levar a arte e promover a cultura nessas regiões, valorizando o relacionamento com a comunidade e com nossos produtores integrados”, destaca Palma. 

História

O Projeto Música em Movimento teve início no ano passado, seguindo a trilha de sucesso do Projeto Música no Parque, que leva apresentações musicais ao Parque Ambiental da Souza Cruz, junto à unidade da empresa em Santa Cruz do Sul. Ao todo, mais de 12 mil pessoas assistiram ao espetáculo de Luiz Marenco e Orquestra Municipal de Teutônia que percorreu os municípios de Barros Cassal, Canguçu e Vera Cruz. “Graças ao sucesso da primeira edição, vamos manter e ampliar a iniciativa este ano”, completa Palma.

*Informações: Portal Gaz - http://www.gaz.com.br/

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

4º Canto Missioneiro da Música Nativa, de Santo Ângelo

A cidade de Santo Ângelo, Capital das Missões, realiza de 24 a 27 de março de 2011, o 4º Canto Missioneiro da Música Nativa.


O festival inicia na quinta-feira, 24, com a 3ª edição do Canto Piá Missioneiro, reunindo jovens cantores e cantoras com até 16 anos de idade. Na mesma noite acontece a Etapa Local do evento, exclusiva para compositores santo-angelenses. Na sexta-feira e no sábado são apresentadas as músicas da Etapa Geral. O festival chega ao seu ápice na noite de domingo, 27 de março, quando acontece a grande final em frente à Catedral Angelopolitana.


As inscrições ao 4º Canto Missioneiro podem ser encaminhadas até o dia 4 de março de 2010 para os seguintes endereços:


* Secretaria Municipal de Cultura, Lazer e Juventude - Rua 03 de Outubro, 800 - Santo Ângelo/RS. CEP: 98.801-610




Das músicas inscritas serão selecionadas 12 (doze) para o 2º Canto Piá, 10 (dez) para a Etapa Local e 16 (dezesseis) para a Etapa Geral.


As noites classificatórias ocorrerão no Teatro Municipal Antônio Sepp. Não haverá cobrança de ingresso. O público fica convidado a oferecer um agasalho ou 1 kg de alimento não perecível.

PREMIAÇÃO

O Canto Missioneiro irá premiar em R$ 3.500,00 o primeiro colocado; R$ 2.500,00 para o segundo e R$ 1.500,00 para o terceiro colocado. Além dos destaques paralelos como melhor instrumentista, melhor intérprete, melhor letra, melhor melodia, e música mais popular com R$ 500,00 e melhor Tema "Missões" com R$ 1.000,00.

Para a categoria local será destinado o valor de R$ 700,00 e dez participantes serão convidados para subir ao palco. Quatro farão parte da final e participarão do CD e DVD. Já para a etapa estadual, o valor será de R$ 1.500,00, valor que deverá custear despesas dos músicos que se deslocam para o município.

O 3º Canto Piá Missioneiro foi inovado e terá duas categorias, a primeira os nascidos anteriormente o ano de 1999 e a segunda os nascidos no ano de 1999 até os 16 anos completos no dia 25 de março de 2011. Serão classificadas 06 músicas por categorias que após a triagem receberão uma ajuda de custo de R$ 300,00.  Os primeiros e segundos lugares receberão troféus.


O Canto Missioneiro da Música Nativa é promovido pela prefeitura de Santo Ângelo, através da Secretaria de Cultura, Lazer e Juventude, com a coordenação artística do produtor Jairo Reis, através da Gente Gaúcha Produções.


Regulamento e informações no site: www.cantomissioneiro.com.br

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Shana Müller é selecionada no Petrobras Cultural

A cantora Shana Müller foi selecionada no Edital do Prêmio Petrobras Cultural com a turnê nacional do disco Brinco de Princesa.

A seleção, aberta a todo o país, recebeu mais de 3 mil inscrições em diversas categorias artísticas que vão do teatro a manutenção de acervos.

Shana foi a única selecionada na Região Sul na categoria Turnês e seu projeto inclui apresentações em Londrina-PR, Campo Grande-MS, São Paulo-SP, Rio de Janeiro-RJ, Florianópolis-SC e Porto Alegre-RS.

A previsão de realização é para o primeiro semestre de 2011.

domingo, 23 de janeiro de 2011

Sinceridade é a grande vencedora do Grito, em Jaguari

A 22ª edição do Grito do Nativismo Gaúcho aconteceu no último final de semana, entre os dias 21 e 23 de janeiro. Das 512 composições inscritas, 12 foram selecionadas na triagem pelo corpo de jurados (Eraci Rocha, Ramires Monteiro, Piero Ereno, Roni Denarde e Vilmar Menezes) e se apresentaram no palco do Pavilhão do Clube de Caça e Pesca. Estas músicas compõem o CD do festival.

A música mais destacada foi Sinceridade. Recebeu o prêmio de melhor poema, que foi escrito por Rômulo Chaves; também de melhor intérprete, através de Robledo Martins que a defendeu. Ainda foi a mais popular, pelo voto da imprensa, e a grande vencedora. Durante a premiação, a organização confirmou a realização do festival em 2012, entre os dias 27 e 29 de janeiro.

O festival teve bons shows. No dia 21, foi a vez de César Oliveira e Rogério Melo e também do grupo Os Mateadores, com a gravação do seu DVD. Já no dia 22, a Banda Simfolia esteve no palco e na final, dia 23, o show de Luíz Marenco encerrou o evento antes da premiação.

História

A primeira edição do Grito foi em 1987. Um ano antes, foi criada a Associação Tradicionalista de Jaguari para que o projeto do festival fosse colocado em prática. O nome veio do esforço desse grupo, que precisava ser ouvido mais longe como um grito que ecoasse na imensidão. Com o apoio da comunidade, o evento cresceu e tem a tradição de ser realizado todos os anos, em janeiro.

No ano de 2010, o festival teve que ser transferido em virtude das fortes chuvas que alagaram as dependências do Clube de Caça e Pesca, próximo ao balneário da cidade, no Rio Jaguari. Dessa forma, foi realizado no mês de agosto.


Resultado:

1º lugar - Sinceridade - Chamamé
Letra - Rômulo Chaves
Música - Everson Maré
Intérprete - Robledo Martins

2º lugar - Por viver - Canção
Letra - Rômulo Chaves
Música - Emerson Martins
Intérprete - Emersom Martins

3º lugar - A mão do tempo - Milonga
Letra - Roberto Huerta
Música - Jair Medeiros
Intérprete - Jean Kirchoff

Música mais popular - Sinceridade - Chamamé
Letra - Rômulo Chaves
Música - Everson Maré
Intérprete - Robledo Martins

Melhor poesia - Sinceridade - Chamamé
Letra - Rômulo Chaves
Música - Everson Maré
Intérprete - Robledo Martins

Melhor intérprete - Robledo Martins (por Sinceridade)

Melhor instrumentista - Léo Pereira (flauta, por Dois momentos de saudade)

sábado, 22 de janeiro de 2011

A alma crioula que traz na essência

O cantor nativista Joca Martins chega a este de ano de 2011 como um dos principais nomes da música regional. O início foi há 25 anos, quando interpretou uma canção pela primeira vez em um palco de festival. Sua evolução na música passou por seu gosto pelo estilo missioneiro, fortes influências dos países do Conesul e dos cantores gaúchos destacados como César Passarinho e José Cláudio Machado. 

Joca Martins, durante a gravação do DVD - Cavalo Crioulo
Foto: Divulgação

Joca Martins gosta de preservar a amizade, como é o caso da sua relação com seus parceiros de música e de vida. Com seu jeito descontraído, conquistou um público fiel que sempre acompanha a carreira do cantor. Ainda mais quando Joca ampliou este contato com o auxílio da tecnologia, através do blog e do twitter.

Nessa entrevista, feita pelo De terra, campo e galpão, tu poderás conhecer um pouco mais do gaúcho Joca Martins. Sua carreira, seu convívio com as pessoas e suas histórias. Confira:

Por João Cléber Caramez

1 - Como foi o teu início na música nativista? 

Comecei nos festivais,  na Comparsa da Canção em Pinheiro Machado, tocando bombo leguero  e no ano seguinte, 1986, cantei pela primeira vez num festival, foi na Charqueada em Pelotas, festival que não existe mais.

2 - Quando tu começaste a disputar festivais e quais foram as principais premiações entre tantos em que participou?

Comecei em 1986 e tive importantes premiações no Martin Fierro, Reponte, Reculuta, Grito do Nativismo, Coxilha entre outros.

3 - Quais as tuas principais influências musicais? O que tu costumas ouvir e tens como referência na música?

Na nossa casa, sempre tínhamos LPs de música gaúcha que nossa mãe comprava, naquele tempo não existiam tantos lançamentos. Os troncos missioneiros foram uma forte influência, pois eles inauguraram um novo tempo na música gaúcha, com uma forte acentuação da música folclórica argentina e uruguaia. Eu gosto de ouvir bons cantores, o tempo que estudei canto (7 anos), fez com que eu me tornasse um admirador de cantores com boa técnica e ou com vozes bonitas. Na nossa música, minhas principais influências foram César Passarinho e José Cláudio Machado.

4 - Quais são os pontos mais importantes que permitiram a evolução da tua carreira?

A dedicação integral, o estudo e a persistência.

5 - Como surgiu a ideia de desenvolver trabalhos de resgate de grandes clássicos do nativismo e dos sucessos da Califórnia?

Sempre gostei dessas músicas, além disso, várias delas fizeram parte dos meus primeiros repertórios. Acredito também, que o tempo que estudei canto, fez com que eu admirasse mais ainda essa composições, além de achar importante gravar boas composições.

Joca Martins em sua apresentação no 2º Relincho da Canção, em Pantano Grande
Foto: Matias Moura

6 - Como é a convivência com os músicos que te acompanham e com a equipe que atua nos bastidores? 

É bueníssima, vamos tomando mate, trocando idéias, vendo um filme, dando risada!

7 - E a relação com os parceiros de música, como o Rodrigo Bauer?

Da mesma forma é bueníssima. Eu tenho uma grande amizade com o Rodrigo e sua família, é um irmão que eu escolhi!!!

8 - Domingueiro e Pampa são trabalhos que tiveram grande identificação com o público? Para ti, atingiram os objetivos esperados?

Sim, são discos que tiveram uma boa acolhida e tocam bastante.

9 - As tuas apresentações tem a características de não serem convencionais. De onde partiu a iniciativa de criar momentos de interação com o público?

Faz parte do meu temperamento. Como disse o Nico Fagundes uma vez, eu nunca deixei de ser público. Eu canto no palco como se fizesse parte do público, acredito que por isso, as brincadeiras com o pessoal nasceram naturalmente.

10 - Nessa evolução tecnológica que vivemos, os blogs são veículos de comunicação importantes. Como tem sido essa experiência de manter um blog?

Muito boa!!! Eu sentia falta da comunicação com as pessoas que admiram o meu trabalho e por influência da Juliana (Spanevello), nasceu o BLOG DO JOCA MARTINS

11 - A tua relação com os admiradores se tornou mais próxima através dessa ferramenta? As pessoas te mandam muitos recados, e-mails?

Sim, se tornou mais próxima e o pessoal deixa comentário no blog, manda mail e agora também tem o twitter que movimenta bastante, de vez em quando faço sorteios, ficou muito bom.
Ah...e pra quem tá lendo a entrevista meu twitter é  TWITTER DO JOCA MARTINS

12 - Conte um pouco da tua experiência fora dos palcos, como a produção executiva do novo disco da Juliana Spanevello.

Foi uma experiência nova e muito gratificante para mim, pois fazer um disco com uma baita cantora e com um grande produtor musical como o Negrinho Martins, torna a produção um misto de colaboração e aprendizado! Me sinto realizado com o resultado sonoro e folclórico do CD Pampa e Flor!

Joca Martins ao lado de seu parceiro Fabiano Bacchieri
Foto: Matias Moura

13 - No ano passado, o nativismo reuniu grandes nomes da música regional por uma boa causa. Foi o "Aí que eu me refiro", em que a renda foi revertida para a Casa da Criança São Francisco de Paula. Tu acreditas que este exemplo de Pelotas pode ser repetido por outras cidades do estado?

Acredito que sim, é uma forma do nativismo mostrar o quanto tem força (o teatro tava lotado!) e também momento de agradecer as coisas boas!

14 - De que forma surgiu esse teu amor pelo cavalo crioulo e a vontade de cantá-lo?

Eu gosto "de fora" desde criança, aprendi a andar a cavalo num petiço numa chácara que meu pai adquiriu quando eu tinha nove anos e depois ia pra Estância do amigo Aluísio em Pedras Altas e acompanhávamos a peonada em todo o serviço. Acredito que a vontade de cantar o cavalo vem desta ligação de infância, pois quando me dei conta que meu sonho era cantar, os temas já faziam parte da minha alma!

15 - Como tu defines este momento da tua carreira, cantando o cavalo crioulo em dois CD's e um DVD recentemente lançado?

É a realização de um projeto, junto ao poeta Rodrigo Bauer e consideramos estar ajudando a divulgar nossos usos e costumes, junto à este símbolo do Rio Grande!!!

Joca Martins no palco da Vigília do Canto Gaúcho, em Cachoeira do Sul
Foto: Matias Moura

16 - E agora, o que vem pela frente? Quais são os teus planos na sequência da carreira?

Acabo de entrar para a gravadora Acit e estou preparando um disco loco de bueno para o primeiro semestre de 2011!!!

17 - Conte uma boa história, daquelas bem curiosas, que aconteceu nestes anos de estrada.

Tem muitas histórias, mas uma das buenas que eu nunca contei foi quando fui fazer um show na Expointer e saímos a procurar bóia. Os lugares estavam todos lotados, e a fome véia apertando. Daqui a pouco me topei com uma loja AMPM da Ipiranga, entrei pelo lado do stand e já fui fazendo o pedido pra turma toda. 

Comemos pizzas, tomamos refrigerantes e eu perguntei pra moça: Quanto lhe devo? Aí ela respondeu... aqui não é cobrado nada senhor, vocês não são clientes Ipiranga?? E eu meio sem jeito respondi... é de vez em quando abasteço em algum posto... rsrsr. É que o serviço do qual havíamos desfrutado, era somente para clientes VIP Ipiranga que visitavam a Expointer. 

Fiquei com a cara no chão lembrando dos pedidos... mais um guaraná por favor, mais uma dessas pizzas aqui!!! Pedindo como quem tivesse pagando! Bueno, pra encurtar o causo, saí tapado na vergonha e fui buscar um cd pra presentear a moça como pedido de desculpas pelo abuso! Não é aí que eu me refiro... rsrsrs 

18 - Deixe uma mensagem aos leitores do blog, admiradores do teu trabalho.

O que importa é a essência...o conteúdo!!!
O sentimento pelo Rio Grande tem de ser do coração pra fora!!!
Mil gracias!!!
   
Acesse o site: http://www.jocamartins.com.br/ 
Tu podes conferir a entrevista no Portal Terra Gaúcha

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

29ª Gauderiada, Rosário do Sul

Resultado
1° lugar: Alguém mateia comigo
Letra: Zeca Alves
Música: Glademir Escobar
Interpretação: Ita Cunha
Cidade: Santana do Livramento e Itaqui

2° lugar: Nas asas da milonga
Letra: Caio Martinez
Música: Caio Martinez e Piero Ereno
Interpretação: Caio Martinez e Piero Ereno
Cidade: Porto Alegre e Jaguari

3° lugar: Três hileiras negras
Letra: Gujo Teixeira
Música: Leonel Gomez
Interpretação: Leonel Gomez
Cidade: Lavras do Sul e Santana do Livramento

Melhor intérprete: Ita Cunha (por Alguém mateia comigo)
Melhor instrumentista: Samuel Costa (acordeon, em Nas asas da milonga e No passo da tapera)
Melhor compositor: Zeca Alves (por Alguém mateia comigo)
Revelação: Rafael Ferrari (bandolim, em Nas asas da milonga)

Música mais popular: Namoro de gato
Letra: João Sampaio e Diego Müller
Música: Érlon Péricles e Duca Duarte
Interpretação: Érlon Péricles e Cristiano Quevedo
Cidade: Porto Alegre

Melhor conjunto vocal: Baguais nos chamaram
Letra: Lauro Corrêa Simões
Música: Clóvis Souza
Interpretação: Grupo Via Sul
Cidade: Santana do Livramento

Melhor conjunto instrumental: Nas asas da milonga
Letra: Caio Martinez
Música: Caio Martinez e Piero Ereno
Interpretação: Caio Martinez e Piero Ereno
Cidade: Porto Alegre e Jaguari
Melhor tema campeiro: Payada para duas estrelas
Letra: Diego Müller
Música: Juliano Javoski
Interpretação: Juliano Javoski e Xirú Antunes (recitado)
Cidade: São Jerônimo

Premiação da 22ª Gauderiada Mirim:

Pré mirim: 1° Peterson Langendorf (São Gabriel); 2° Fernanda Silveira Ribeiro (Rosário do Sul)
Mirim: 1° Vitória Staggemeier (São Gabriel); 2° Bárbara Dorneles Corrêa (São Gabriel)
Juvenil: 1° Victória Passos (Sapucaia do Sul); 2° Dionathan Camargo (São Gabriel)

domingo, 19 de dezembro de 2010

Resultado - 8º Canto sem fronteira, de Bagé

Resultado - 8º Canto sem Fronteira, de Bagé:

1º lugar: De duas pátrias
Letra: Marcelo D´Ávila
Música: Juliano Moreno
Intérprete: Juliano Moreno e Daniel Cavalheiro

2º lugar: O silêncio e seus segredos
Letra: Wagner Pizzolotto
Música: Sabani Felipe de Souza
Intérprete: Adams Cézar

3º lugar: Y ya se Viene la noche
Letra: Martin César Gonçalves
Música: Miguel Diaz

Música Mais Popular: Égua com Cria
Letra: Edegar Belles
Música: Márcio Costa

Melhor intérprete: Adams Cézar (por O silêncio e seus segredos)

Melhor arranjo: Robson Garcia, Daniel Cavalheiro, André Kovalick e Juliano Moreno (por De duas pátrias)

Melhor letra: João Stimamilio (por Domador de versos)

Melhor melodia: Juliano Moreno (por De duas pátrias)


*Informações: Tânia Goulart - ABC do Gaúcho - http://www.jornalnh.com.br/abcdogaucho

Informativo - César Oliveira e Rogério Melo

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Triagem - 28ª Gauderiada da Canção Gaúcha

A COZINHEIRA DA ESTANCIA
LETRA : OSMAR PROENÇA 
MÚSICA: CARLOS MADRUGA
MILONGA
SÃO GABRIEL
PORTO ALEGRE


NAS ASAS DA MILONGA
LETRA: CAIO MARTINEZ 
MÚSICA: CAIO MARTINEZ E PIERO ERENO
MILONGA
PORTO ALEGRE
JAGUARI


ALMA, RONDA E SOLIDÃO
LETRA: GASPAR SILVA E VOLMIR COELHO 
MÚSICA: VOLMIR COELHO
MILONGA
SANTANA DO LIVRAMENTO


ALGUÉM MATEIA COMIGO
LETRA:ZECA ALVES
MÚSICA: GLADEMIR ESCOBAR
MILONGA
SANTANA DO LIVRAMENTO
ITAQUI


TRÊS HILEIRAS NEGRA
LETRA: GUJO TEIXEIRA
MÚSICA: LEONEL GOMEZ
CHAMAMÉ
LAVRAS DO SUL
SANTANA DO LIVRAMENTO


DA MINHA JANELA
LETRA: JULIANO COSTA DOS SANTOS
MÚSICA: LUCAS MENDES
MILONGA
JULIO DE CASTILHOS
SOLEDADE


PALAVRA MUSIQUEIRA
LETRA: GUJO TEIXEIRA
MÚSICA: ERLON PERICLES
MILONGA
LAVRAS DO SUL
PORTO ALEGRE

NAMORO DE GATO
LETRA: JOÃO SAMPAIO – DIEGO MULER
MÚSICA: ERLON PERICLES E DUCA DUARTE
VANEIRA
ITAQUI
PORTO ALEGRE


BAGUAIS NOS CHAMARAM
LETRA: LAURO CORREIA SIMÕES – IN MEMORIAN
MÚSICA: CLOVIS SOUZA
MILONGA
SANTANA DO LIVRAMENTO


AS FLORES E A CRUZ
LETRA E MÚSICA: VOLMIR COELHO
MILONGA
SANTANA DO LIVRAMENTO


PAYADA PARA DUAS ESTRELAS
LETRA: DIEGO MULLER
MÚSICA: JULIANO JAVOSKI
MILONGA
CANOAS
SÃO GERONIMO


LA VEM O MEU VERSO
LETRA: MARIO AMARAL
MÚSICA: TUNY BRUM
MILONGA
MARABÁ (PA)
SANTA MARIA


QUANDO NASCE UM CAVALO
LETRA: EDUARDO MUÑOZ
MÚSICA: CARLOS MADRUGA
MILONGA
PELOTAS
PORTO ALEGRE


UM TALHO NO CÉU
LETRA: JUCA MORAES E CARLOS OMAR VILELLA GOMES
MÚSICA: CRISTIANO QUEVEDO E DUCA DUARTE
MILONGA
SANTA MARIA – CRUA ALTA
PIRATINI




FASE LOCAL


NO ANTIGO RITUAL DA TROPA
letra: joel de freitas paulo
musica: felipe cornel
CHAMARRA


DE TENTO EM TENTO
letra: sandro alex vieira
música: sergio pereira
CHAMARRA


NO PASSO DA TAPERA
letra: rogerio basareli e jair goularte
música: rogerio basareli e lucas costa
MILONGA


QUANDO A TROPA SE FOI
letra: jorge peres machado
música: mateus alves
MILONGA 


Informações: Juliana Spanevello - http://julianaspanevello.blogspot.com/

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Resultado - 24º Musicanto Sul-Americano de Nativismo

Confira o resultado completo do 24º Musicanto Sul-Americano de Nativismo, que aconteceu em Santa Rosa entre os dias 2 e 5 de dezembro.

1º Lugar

14 DE NOVEMBRO - Congada

Luis Dillah

Intérprete - Luiz Dillah



2º Lugar

CANDOMBE PARA VOS - Candombe

Lyber Bermúdez

Intérprete - Lyber Bermudez



3º Lugar

Num Bolicho da Linha Melódica - Milonga

Mauro Moraes

Intérprete - João de Almeida Neto



Melhor Arranjo

Valentia - Maxixe

Caio Martinez

Intérprete - Caio Martinez



Melhor Intérprete

João de Almeida Neto



Melhor Letra

Assobios e Pesares - Tadeu Martins



Música Instrumentista

Arthur Bonilha



Tema Meio Ambiente

Infinita Floresta - Maracatú

Eudes Fraga e Paulo Fraga

Intérprete - Eudes Fraga



Melhor Música Instrumental

Furo na Bota - Rancheira (Instrumental)

Paulinho Cardoso



Música Mais Popular

Yo Soy mi Pueblo - Chamame

Cristiano Viegas Medeiros e Marcelo Paz Carvalho

Intérprete - Robledo Martins e Antônio Carlos Careca

Informativo - Zeca Alves

Informativo - Matheus Leal

Informativo - Joca Martins

Informativo - Shana Müller

domingo, 14 de novembro de 2010

Resultado - 18ª Tertúlia Musical Nativista, de Santa Maria

Confira a premiação:

1º lugar: Escuta o Rio
Letra: Vinícius Brum
Música: Tuny Brum
Ritmo: Milonga Arrabalera
Intérprete: Vinícius Brum
Cidade: Porto Alegre/Santa Maria

2º lugarChamando a cria
Letra: Gujo Teixeira
Música: Marcello Caminha
Ritmo: Milongão
Intérprete: Pepeu Gonçalves
Cidade: Porto Alegre

3º lugar: Enciumado chamame
Letra: Juliano Moreno e Matheus Neves da Fontoura
Música: Samuel Costa
Ritmo: Chamamé
Intérprete: Angelo Franco
Cidades: Porto Alegre/Santana do Livramento

Melhor instrumentista: Samuel Costa (acordeon)
Melhor letra: Labirintos (Luis Fernando Gastaldo)
Melhor intérprete: Analise Severo (por Labirintos)

Música mais popular: Definindo as Etnia
Letra: Jaime Brum Carlos
Música: Sérgio Rosa
Ritmo: Rancheira
Intérprete: David Menezes Junior
Cidades: Restinga Seca/Santa Maria

4º O Rio Grande canta o cooperativismo - 3ª etapa, de Antônio Prado

Dia 20 de novembro - Centro Municipal de Eventos, de Antônio Prado


As sete lições
Letra: Claudionir Araujo Bastos
Melodia: Jaime Ribeiro
Representando a Cooperativa Sicredi Itaqui, de Uruguaiana
Intérprete: João Quintana Vieira


Viés doutrinário
Letra: Áurea da Rosa e Alberto Sales
Melodia: Zulmar Benitez
Representando a Cooperativa Sicredi Pioneira, de Caxias do Sul
Intérpretes: Priscila Campeol e Analise Severo


Cooperar é progredir
Letra: Carlos Alberto Litti Dahmer
Melodia: Sandro Souza
Representando a Cooperativa Sicredi Augusto Pestana, de Ijuí
Intérprete: Nenito Sarturi


O sul em si
Letra: Juca Moraes
Melodia: João Bosco Ayala Rodriguez e Nilton Júnior
Representando a Cooperativa Sicredi Centro Leste, de Guaíba
Intérprete: Loma


Depois das chamas
Letra: Rômulo Chaves
Melodia: Tuny Brum
Representando a Cooperativa Sicredi Grande Palmeira, de Palmeira das Missões
Intérprete: Jean Kirchoff


Feminina
Letra e melodia: Chico Saga e Mário Tressoldi
Representando a Cooperativa Sicredi Nordeste, de Rolante
Intérprete: Lú Schiavo


Frondosa bandeira
Letra: Adão Quevedo
Melodia: Aline Ribas
Representando a Cooperativa Sicredi Zona Sul, de São Lourenço do Sul
Intérpretes: Robledo Martins, Éverson Maré e Cícero Camargo 


Colmeia
Letra: Carlos Omar Villela Gomes e Bianca Bergmam
Melodia: Jean Kirchoff
Representando a Cooperativa Sicredi Vale do Soturno, de Faxinal do Soturno
Intérprete: Analise Severo


Da capital nacional
Letra: José Henrique Rodrigues
Melodia: Raúl Quiroga
Representando a Cooperativa Sicredi Pioneira, de São Leopoldo
Intérpretes: Raul Quiroga, Ana Lúcia Pacheco e Ariane Wink


Coração solidário
Letra: Ramires Monteiro
Melodia: Sabani Felipe de Souza
Representando a Cooperativa Sicredi Região Centro, de Santa Maria
Intérprete: Leonardo Paim

Resultado - 25º Ponche Verde, de Dom Pedrito

1º Lugar - UM CHARRUA 
MILONGA
LETRA: JOÃO STIMAMILIO SANTOS
MÚSICA: ÉRLON PÉRICLES
INTÉRPRETE: ÉRLON PÉRICLES
CIDADE: SANTO ÂNGELO E SANTA MARIA


2º Lugar - O PONCHO 
CANÇÃO
LETRA: JUCA MORAES E ZÉCA ALVES
MÚSICA: PIERO ERENO
INTÉRPRETE: JORGE FREITAS
CIDADE: CRUZ ALTA


3º Lugar - O RONCO DA GAITA VÉIA
BUGIO
LETRA: RAFAEL TEIXEIRA CHIAPETTA
MÚSICA: SABANI FELIPE DE SOUZA
INTÉRPRETE: ADAMS CÉZAR
CIDADE: CACHOEIRA DO SUL E CRUZ ALTA


Melhor Poesia
Juca Moraes (O Poncho)


Melhor Melodia
O Ronco da Gaita Véia (Sabani Felipe de Souza)


Melhor Intérprete
Flávio Hansen


Melhor Instrumentista
Tiago Quadros (acordeon)


Música Mais Popular - DE SOL A SOL
CHAMAME
LETRA: MÁRIO ELEÚ E TELMO VASCONCELOS
MÚSICA: EDUARDO MONTEIRO SILVA
INTÉRPRETE: RAINERI SPHOR
CIDADE: SANTO ANGELO E SANTA MARIA


Melhor Tema Sobre a Paz - BERÇO DA PAZ 
MILONGA
LETRA: FERNANDO CHAGAS
MÚSICA: FERNANDO CHAGAS
INTÉRPRETE: FERNANDO CHAGAS
CIDADE: DOM PEDRITO


*Informações - Blog Os Festivais - Aline Ribas

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Resultado - 2º Expocanto, de Arroio Grande





1° lugar - “Réquien por La Negra”
Letra de Joel de Freitas Paulo
Música de Aline Ribas e Éverson Maré
Interpretada por Maria Conceição


2° lugar - “Zamba para Virgínia”
Letra de Jorge Weber
Música de Maicon Gonzáles
Interpretada por Maicon Gonzáles e Grupo




3° lugar - “Décima dos mouros tapados”
Letra de Adriano Alves e Otávio Severo
Música de Raineri Sphor
Interpretada por Raineri Sphor e Adriano Alves


Melhor Intérprete
Robledo Martins


Mulher Instrumentista
Éverson Maré


Música mais Popular - “Ciranda de Esporas”
Letra de Sidney Bretanha
Música de Miguel Vidal
Interpretada por Alessander Ferreira e Gregory Santos


*Informações - Blog Prosa Galponeira - http://prosagalponeira.blogspot.com/